O primeiro dia do Carnaval de São Paulo 2020

Na primeira noite do carnaval 2020 de São Paulo, escolas de samba carregaram na crítica social em meio à folia do Anhembi. Teve placas com frases fortes e atuais. Teve alegoria gigante de Marielle Franco, crítica à violência policial e até menino que veste azul e menina que veste rosa.

Barroca Zona Sul

Barroca abre o desfile em são Paulo

A Barroca Zona Sul abriu os trabalhos na passarela do samba nesta sexta-feira (21/2), primeiro dia de desfiles do Grupo Especial.

A noite teve ainda Tom Maior, Dragões da Real, Mancha Verde, Acadêmicos do Tatuapé, Império de Casa Verde e a X-9 Paulistana, que terminou o seu desfile já na manhã do sábado (22/2), às 8h21.

Musa fitness Renata Spallici, rainha de bateria da Barroca Zona Sul

Tom Maior

A Toma Maior foi segunda escola a desfilar: ‘É coisa de preto’, foi a letra do samba que falou de resistência e luta por igualdade; escola foi a segunda a desfilar no sambódromo do Anhembi na sexta-feira, 22 de fevereiro de 2020.

Ala 1 da Tom Maior: “A raiz de um povo guerreiro”
Rainha de Bateria Pâmela Gomes da Tom Maior 
Casal de mestre-sala porta-bandeira da Tom Maior Jairo e Simone em “A Força de uma Raça”

Dragões da Real

Dragão da Real foi a terceira escola, a desfilar no Sambódromo: Tema ” A Revolução do Riso, A Arte de subverter o Mundo pelo divino poder da Alegria”

O Carro abre-alas da Dragões da Real, levou o enredo sobre o riso e a arte de subverter pelo humor 
Dragões da Real traz a ‘explosão da alegria
Rainha da bateria e dp Carro abre -alas da Dragões da Real Simone Sampaio que se despede da escola depois de 8 anos

O carro abre-alas Ataque de Riso, enroscou na fiação elétrica na área de dispersão do Anhembi e atrasou o desfile da Mancha Verde, a quarta escola na ordem dos desfiles do primeiro dia do Grupo Especial do Carnaval de São Paulo, mas não deve haver punição .

Mancha Verde

A jornalista e presidente da ABIME, Vera Tabach, a fotógrafa e colunista da ABIME Rita Bignardi -Hoemenagem a Jesus

Mancha Verde levou o Enredo: ” Pai ! Perdoiai, ele não sabem o que fazem”. uma homenagem a Jesus.

A atual campeã Mancha Verde, escola da torcida do Palmeiras, time de Jair Bolsonaro, também fez críticas ao governo ocupante do Planalto. Foram mostradas mulheres fantasiadas de domésticas com tiaras da Minnie e, nas mãos, um passaporte, um protesto à fala do ministro da Economia, Paulo Guedes, que defendeu a alta do dólar, dizendo que na valorização do real diante da moeda “era empregada doméstica indo pra Disneylândia.

Acadêmicos do Tatuapé

Primeiro carro da Acadêmicos do Tatuapé fala da origem de Atibaia, caminho dos bandeirantes 

Enredo: “O ponteio da viola encanta… Sou fruto da terra, raiz desse chão… Canto Atibaia do meu coração”, sobre a cidade de Atibaia

Ala coreografada da Acadêmicos do Tatuapé  com participantes da Fanfarra da cidade de Atibaia
As águas de Oxalá na ala da Acadêmicos do Tatuapé
Ala dos Bonecões
Integrantes do Bloco do Caveirão

Império da Casa Verde

Com enredo “Marhaba Lubnãn”, escola fez homenagem Líbano

Império de Casa Verde retrata mar mediterrâneo
Império de Casa Verde: Ala celebra união entre brasileiros e libaneses
Império de Casa Verde: Rainha de bateria Valeska Reis

X 9 Paulistana

A vantagem da X-9 é que a escola, por ser a última, já previa desfilar de manhã, e por isso usou cores vibrantes, acetato, glitter e espelhos – tudo para brilhar neste horário.

X-9 Paulistana: carro retrata miscigenação que deu origem a batucada brasileira

Escola fechou primeiro dia do Grupo Especial de SP em 2020 depois das 8h da manhã, após atraso por carros presos em fiação em desfiles anteriores.

Tarine Lopes, madrinha de bateria da X-9 Paulistana
X-9 Paulistana: Ala de passistas
Juju Salimeni, rainha de bateria da X-9 Paulistana 

Na viagem pelos batuques, a bateria representou os bois garantido e caprichoso do Amazonas, um carro mostrou o maracatu de Pernambuco, uma ala exaltou os afoxés da Bahia etc.

Fotos: Carlos eduado de Oliveira, Rita Bignardi e Vera Tabach

Texto Vera Tabach

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *