Dia triste no Brasil

Triste o dia de hoje.15192624_1265643133493583_1059307449871971241_n

Por :Alziro de Paiva – Vice- Presidente Nacional da ABIME
Talvez a palavra “triste”, seja pequena para demonstrar o que o País e o Mundo sentem.
Todos nós, torcedores ou não, que praticamos ou não algum tipo de modalidade esportiva, ficamos consternados com as notícias relacionadas ao jovem time da Chapecoense.
Aqueles que como eu, tem seus times de coração, orgulham-se de vestir as cores que os representam, divertem-se na vitória, tiram um sarro dos amigos na derrota dos adversários, temos picos de emoção durante os jogos, com todas as diferenças existentes entre os times, somos todos iguais em um ponto.
O CORAÇÃO.
O coração que hoje dói e chora pelos atletas, pelos jornalistas, pela tripulação do avião, pelas famílias.
O coração que no meu caso sempre carregou as três cores do meu SPFC, hoje une-se a milhões e milhões de outros, Corinthianos, Santistas, Palmeirenses, Flamenguistas, Vascaínos, Fluminense, Atleticanos, Cruzeirenses, Gremistas, Colorados e assim por diante, que tornam-se VERDES DO CHAPECOENSE.
Por que o mesmo esporte que nos torna rivais em campo, nos una como irmãos na vida.
O mesmo coração que vibra com a vitória, compartilha da dor da perda.
E a mesma alma de torcedor que sempre enxerga a esperança é a que abraça a alma do amigo que sofre.
Hoje não sou o Alziro de Paiva torcedor do SPFC.
Hoje sou o Alziro de Paiva de CHAPECÓ.
Que esse mesmo VERDE CHAPECOENSE que tantas alegrias trouxe ao futebol, seja o verde da esperança de um futuro brilhante para esse jovem time do Futebol Mundial.
#SOMOSTODOSCHAPE
#HOJESOUVERDE
#FORÇACHAPE

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

One comment on “Dia triste no Brasil

  1. Claudete Reinhart disse:

    Que belo texto Alziro! E é exatamente assim que muitos brasileiros estão se sentindo! Que tragédia, meu Deus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *